Bairro Lagoinha

Mônica Rocha, moradora do bairro Lagoinha há 35 anos , fala sobre a vida no bairro. Ela reside num condomínio na Rua Itapecerica e perguntada se a proximidade da Pedreira Prado Lopes e do D.I.(Departamento de Investigações da Polícia Civil de Minas Gerais) influencia no dia a dia dos moradores do local, ela diz que não. O policiamento no bairro é normal segundo sua visão, como o de “praxe”, feito em outros bairros. Mônica vê a Lagoinha como qualquer outro bairro de Belo Horizonte, sujeito a qualquer situação ruim. Mas, ela diz que há um descaso, pois a Rua Itapecerica por exemplo, era conhecida e procurada por vender imóveis usados, tinha uma grande tradição nessa área. Ela diz que a prefeitura não permite a demolição dos velhos casarões por considerá-los patrimônio histórico, mas ao mesmo tempo não dá incentivo e nem ajuda para que os moradores possam cuidar bem desse patrimônio. Não há um investimento do governo em favor disso e, consequentemente, essas casas “abandonadas” acabam gerando abrigo para marginais, esconderijo de ladrões, além de ser ruim esteticamente para a rua. Ela trabalhou 10 anos no posto de saúde do bairro São Cristóvao (próximo à Lagoinha) e diz que os comerciantes já tentaram diversas vezes pedir apoio do governo para que a situação das casas abandonadas melhorasse, mas foram tentativas sem sucesso.

Apesar de tudo, Mônica vê a Lagoinha como um bom lugar pra se viver, e como qualquer outro local tem seus aspectos positivos e negativos, mas nada que possa se destacar mais ali que não exista em qualquer outra parte da cidade, seja em bairros nobres ou em bairros mais “pobres”.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s